Sobre o real

Se alguém me perguntasse sobre a matéria-prima da imaginação ou do fato, diria que não são forças separadas. Pontes, livros, amantes, sinos, igrejas, milagres, filmes, alianças, crenças, canetas, esperanças, relógios, canções e luares, tudo depende de sonhos e o poder transformador dos seus olhares. Se alguém me dissesse que vem para entender suas dúvidas, alegrias ou tristezas, discordaria. Acho que viemos confirmar nossas certezas.

Autor: mariel

" Não quero viver comigo tempos mortos ". Essa tal de Simone, ela não é uma coisa?

7 comentários em “Sobre o real”

  1. Isto daria um loooongo debate!
    Porque se são certezas…já não necessitam de ser confirmadas!
    Desejo uma boa semana de dúvidas, alegrias, tristezas, certezas e tudo o mais que se possa aparecer!

    Curtido por 1 pessoa

    1. Do outro lado do Atlântico há alguém que não tem dúvida em colocar certezas junto com perguntas dificeis. Daria uma longa conversa e conversar é sempre bom. Super semana, minha amiga luzitana.

      Curtido por 1 pessoa

Os comentários estão encerrados.