Eu também

Te recebi com alma disparada, chegaste e tomaste o dia, o que acontece sempre. No fundo é simples, fácil e descomplicado. Uns dias enxergo longe teu ser amor. Noutros, percebo perto teu ser amada.

Autor: mariel

" Não quero viver comigo tempos mortos ". Essa tal de Simone, ela não é uma coisa?

4 comentários em “Eu também”

  1. Relendo o texto, parece mesmo que falava disso, as oscilações. O surpreendente disso é que estava comemorando justamente a constância, o espaço de entendimento e a chegada.

    Curtir

Os comentários estão encerrados.