Estrangeiro

Vivo no lado de fora dos destinos. Além disso, ouço vozes e acredito que o Inter se comporta em campo como me sinto durante suas partidas. Acredito em portais, seres que se encantam, encontros perenes e em almas a si destinadas. Sou estrangeiro, vivo do lado de fora dos nativos. Creio no que sei, sinto o que penso, descrevo o que vejo, conheço o que desejo e amo porque sim. Sou estrangeiro. Vivo do lado de dentro da foz amazona, território meu. Conheço a língua, traduzo os sons, falo o idioma, percebo os gestos, qualquer caminho é ali. Sou estrangeiro, vivo de descobrir o tanto que segue adiante. Durmo se posso. Acordo no sempre.

Autor: mariel

" Não quero viver comigo tempos mortos ". Essa tal de Simone, ela não é uma coisa?

8 comentários em “Estrangeiro”

Os comentários estão encerrados.