Tua presença

Teu coração é água no seco. É vista da janela. Aragem, piscina de bolinha, praça, refrigerante, arroz doce. Lembra balança, colo, vento no rosto. Tem riso, tem festa, teu gosto. Há Marte tão perto, notaste o brilho? Abre tuas portas pra mim. É por onde entro, casa minha, janela da nossa rotina, retina, olhos que tomamos conta. Quem é você, que põe risada na vida? Diga logo que eu quero saber de brincar em você. Vamos nos ouvir juntos, tu que me fazes revisar os meus textos, suas texturas, minhas desculpas pra te ver, meu pedido de viver uma vez por dia, todos os dias. Não há esquecimento possível, nem desejado, frases que se completam, abraços sem hora de desabraço. Desabafo que contenta, entendimento num fio de olho.

Vou dormir abraçado na tua presença. Te amo desde criança.

Asterisco raiz

Estou adotando comentários. Deixe o seu aqui

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.