Não tem dia

Pensando bem, não sou muito de datas. Não as esqueço, não é isso. Nem as desprezo. Lembro especialmente de algumas, mas sou publicitário, sei como a linguiça é feita. Namorados, mães, pais, avós, os dias ditos especiais são diferenciados. Mesmo? De verdade? Porque? Essas perguntas, vindas de quem esquece quase tudo, pode parecer auto proteção. Mas como assim Dia do Samurai? Se você quiser comemorar, vá até Frei Rogério (o nome da cidade já é bem esquisito), no interior de Sta Catarina em 24 de abril. Já 01 de agosto é o Dia Mundial do Dedo do Meio. Dia das Zonas Úmidas é comemorado 02 de Fevereiro, mas não por mim. Existe uma infinidade de “dias dedicados”, que servem pra gente se livrar da culpa por tratar de modo genérico algo ou alguém que deveria ser especial. Claro que há excessões como 25 de Outubro, que é o Dia de ser Punk por 24 horas. Há o Dia de Fazer Perguntas Estúpidas, o Dia da Geladeira Assombrada, Dia de Colocar um Desentupidor na Cabeça e assim vai. Sim, todos esses dias existem, googla lá pra ver. Há dias como dos Namorados, Natal, 1º do Ano, Pais e outros, com mais apelo comercial. Mas que são tão verdadeiros quanto o 8 de Setembro, Dia do Pelo no Nariz. Claro que existem dias e Dias. Como quando conheci você, que é um dia depois de todos os outros que vivi antes. O dia que o velho lobo do mar me deu uma concha para que eu o ouvisse escutando o oceano. O dia que soube que minha mãe usou algo meu para escrever uma crônica sobre si mesma. Quando me tornei pai. Depois quando nasceu o avô. Parece romantizado e quero evitar essa impressão. Fui distante a maior parte do tempo, ou presente quando necessário. Mesmo assim, trocamos amor intenso e pleno de profundidade, tropeçando em datas, esquecendo horas, tocando a vida e crescendo, é o que se faz. Aniversários, guerras, filmes, livros, bandas, gente, todos nós temos um calendário, uma linha do tempo naquilo que nos toca. Sempre lembro da alma que amo, o tempo todo comemoramos coisinhas, coisas e coisonas. Mas entendo que se algo é compulsório, esse algo é chato. Há datas que nos fazem refletir, datas que nos emocionam, datas que desejamos compartilhar. Todas são legítimas se trafegam de coração para o coração. Amo você e não amei antes. Isso não é bom ou ruim. Não me faz melhor ou pior. Mas é bom de sentir todos os dias.

19 comentários

  1. Concordo total. Não sou pessoa de dias tb, n esses. Não me venham cobrar essa sincronia com os dias e os festejos de dias, ainda mais em tempos de redes sociais que td mundo é obrigado a celebrar publicamente. Já houve até quem me cobrasse coisas pq não me via postar foto e texto no dia disso e daquilo, parece que só existe validade se postar, existir agora tá diferente/ como as vezes sou muito birrenta, pioro mais a coisa, faço tudo do lado contrário, que pra mim é o certo. Que chatice ser Maria e ir com as outras. Eu gosto de nadar a favor da maré só quando é pra boiar em paz; fora disso, eu sempre me pergunto pq tem que ser assim como todo mundo faz… Eu acho legal ser Maria…se um dia tiver uma filha, esse vai ser o primeiro nome dela, mas espero que ela só festeje os dias que sentir paz para festejar…tb amo dias que não estão no calendário geral, mas no meu sim. Pro exemplo, o dia em que comi almôndegas pela primeira vez na casa da minha vó..esse sim é um dia pra se festejar!!! Adorei o texto… me provocou…pensei em mtas coisas

    Curtido por 1 pessoa

  2. Feliz “Dia das Pedras” para você Mariel e para a Renata! kkkkkkk Suponho que a data seja 10/08 pelo comentário, o que faz este aqui estar atrasado, mas, se não for … me avise com antecedência no ano que vem. Sou péssimo para guardar datas desde que me entendo por gente. Adorei o texto meu caro amigo… um grande abraço! PS: Nem sei se usa “PS” ainda mas, espero que o “Dia das Pedras” não sejam comemorados “à funda” como Davi kkkkkkk

    Curtido por 1 pessoa

    1. Renata e eu temos a satisfação de lhe incluir no clube dos adeptos do Dia da Pedra, comemorado sempre que for lembrado, já que se trata de uma data móvel, com uma atração fixa: show dos Rolling Stones

      Curtido por 1 pessoa

Estou adotando comentários. Deixe o seu aqui

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.