Por que, Cartola?

Dona Zica, deslumbrada com o nascimento de muitas rosas no seu jardim, pergunta ao Carlota como era possível surgirem tantas e tão lindas. O poeta-frentista de posto responde:
– Não sei Zica, as roas não falam.